Acabei de Ler: The Mystery of Mercy Close – Marian Keyes

The Mystery of Mercy Close é o quinto e ao que tudo indica o último livro da saga das irmãs Walsh. Esse livro conta a história da mais nova delas, a Helen, que em todos os outros livros sempre apareceu como a mais descabeçada e sem rumo de todas, mas também como alguém que tem a auto estima altíssima, não se importando com o que os outros pensam dela.
mysteryofmercyclose
Nesse último livro, Helen finalmente encontrou seu rumo na vida: é investigadora particular. Apesar de não estar vivendo seu melhor momento profissionalmente falando, pois está saindo de seu apartamento pois não consegue mais pagar sua hipoteca, além de estar com a luz cortada, e o pior, está voltando a viver com os pais.
Durante a história, Helen conta pequenos relances das vidas das irmãs, e assim você acaba tendo uma idéia do que aconteceu com a Rachel, de Férias! e a Anna, de Tem Alguém Aí?, por exemplo, que estão morando em NY. Tem até aparições da Claire, de Melancia, e da Margareth, de Los Angeles, já que elas continuam morando com suas famílias em Dublin, que é onde se passa a história.
Helen está com um caso novo, contratada por um ex-namorado, Jay Parker. É o caso do sumiço de Wayne, um dos membros de uma boy band irlandesa chamada Laddz, justamente às vésperas de um show para relembrar os velhos tempos. Enquanto corre atrás de pistas para desvendar o mistério, Helen também deve lidar com a depressão que a assombra às vezes, com o namorado Artie e os filhos dele (além da ex-mulher com quem ele mantém uma relação muito próxima de amizade), e as lembranças de uma amiga que não vê mais.
Não vou entrar muito em detalhes. Primeiro, porque não quero encher esse post de spoilers, segundo porque não gostei muito do livro. A parte do mistério é legal, você fica tentando adivinhar onde diabos está o Wayne, mas o resto… para começar, eu percebi que não gosto mais da Claire. Já tinha ficado com essa impressão depois de ler a metade de Tem Alguém Aí? que eu li (não, ainda não terminei de ler esse livro. Sim, ele ainda continua no meu freezer). Depois, eu realmente, realmente não gostei do final. Não gostei de quem ela ficou no final, e isso não é normalmente muito importante, mas nesse livro em especial foi um fator determinante.
Há algum tempo já me desencantei um pouco com os livros da Marian Keyes, a exceção sendo o último livro lançado aqui no Brasil, A Estrela Mais Brilhante no Céu, que eu achei muito bom. Mas Cheio de Charme e Um Bestseller Para Chamar de Meu, por exemplo, ainda estão na minha prateleira “Vou ler” e de lá não saem. Isso acontece quando eu não me interesso muito pelo livro.
O próximo dela que vou tomar coragem e terminar é Tem Alguém Aí?, nem que seja só porque quero poder dizer que li todos os livros das irmãs Walsh. Mas fora esse… é, pode ser que demore um pouco até que eu leia um livro da Marian Keyes de novo.foto3

Deixe um comentário

Arquivado em Acabei de Ler

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s