Acabei de Ler: A Spring Affair – Milly Johnson

Esse foi um daqueles livros que você se encanta tanto que simplesmente não consegue parar de ler. Foi o segundo livro da autora que eu li (o primeiro, A Summer Fling, eu também amei) e sinceramente, achei mais uma autora do tal do gênero “chick-lit” que eu vou indicar para todo mundo. O único grande problema é que, até agora, nenhum dos livros dela foi publicado aqui no Brasil, o que complica se você não lê em inglês.
 aspringaffair
A Spring Affair conta a história da Lou, que tem que lidar dia-a-dia com uma mãe não só prefere a irmã dela, como também sempre tem uma crítica na ponta da língua, com uma chefe que aterroriza todo o departamento em que ela trabalha, com um marido que exige comida sempre na mesa e a roupa sempre lavada e com o fantasma do caso extraconjugal que ele teve no passado (e o seu medo de que a história volte a se repetir).
As coisas começam a mudar quando Lou lê um artigo numa revista na sala de espera do dentista, com dicas sobre como dar aquela geral e se livrar de todos os cacarecos e tralhas que a gente vai juntando, com a idéia de usar depois, que um dia pode ser útil… Inspirada por esse artigo, a Lou começa a fazer uma limpeza nas gavetas e armários, colocando fora tudo que no fim das contas só ocupa espaço. Mas não é só nas gavetas que a Lou acaba dando uma geral, mas também na própria vida.
Quantas vezes você já não ouviu para largar certas coisas, certos sentimentos e até mesmo certas pessoas na sua vida que só fazem volume? Com o desenrolar da história, a Lou vai escolhendo o que ainda funciona na vida dela e o que já está na hora de pôr na caçamba e deixar ir embora. Inclusive, acaba indo atrás de uma amiga de quem já tinha se distanciado e voltando aos planos de abrir seu próprio negócio.
Acho que foi esse o aspecto que eu mais gostei no livro: mostra como às vezes a gente se agarra em coisas (objetos, situações, pessoas) e na verdade já passou da hora de dar uma reciclada. Não é um livro piegas, não é um livro dramático, mas acaba fazendo você pensar na própria vida, o que é muito mais do que eu posso dizer sobre muito livro de auto ajuda que a gente vê pipocar por aí. Aliás, fiquei totalmente energizada para dar aquela geral nas minhas gavetas cheias de tralha…mari-transp

Deixe um comentário

Arquivado em Acabei de Ler

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s