Acabei de Assistir: Broadchurch (S02E06)

O episódio dessa última segunda-feira de Broadchurch foi com certeza um episódio pouco comum se comparado aos demais episódios do popular drama do canal britânico ITV. Chegando à reta final dessa segunda temporada, algumas dicas mais decisivas começaram a ser dadas, e o desfecho começa a dar as caras.

gif072

Alec e Ellie continuam investigando Sandbrook. Quando Alec, muito nervoso com a constatação de que suas várias testemunhas em Sandbrook estavam mentindo para ele durante toda a investigação acaba desabafando com Ellie naquele seu jeito peculiar, ela lhe dá uma ideia: começar a colocar pressão. Alec então expulsa Claire da sua casa, dizendo que ela não quer mais sua proteção. Claire tem um ataque de nervos e acaba indo procurar Lee.

Enquanto isso, Tom vai depor como testemunha no julgamento do pai e acaba dizendo que Mark havia lhe contado que era culpado pelo assassinato do próprio filho. Eu realmente não gosto de Mark Latimer, acho ele muito egoísta, mas ele com certeza não havia contado isso para Tom. Cabe então à Jocelyn, com calma, tirar a verdade de Tom, fazendo-o admitir que na verdade Mark tinha dito que se sentia culpado pela morte do filho, não que era o culpado.

O bom disso é que assistir o filho mentir perante o júri dá a Ellie a coragem que ela precisava não só para dar uma bronca em Tom, mas também para obrigá-lo a voltar para casa, numa cena emocionante. Sério, dá vontade de aplaudir Ellie de pé.

gif074Mark vai prestar seu depoimento e tem que contar, na frente de todo mundo, que na noite que o filho foi assassinato, estava traindo a mulher com Becca Fisher. Mas como isso não era o bastante, ele também resolve contar que depois de ter deixado a Becca, ficou sentado dentro do carro escrevendo uma carta para Beth, explicando que o casamento deles tinha acabado. E Beth tem que ouvir isso ali, com toda uma platéia. Quem a acaba confortando depois que ela sai correndo é a Ellie, lógico. Então Beth resolve confrontar Mark e exige uma posição mais concreta dele. Estava mais do que na hora.

O depoimento de Mark também abre a possibilidade da advogada de defesa de Joe pedir que o julgamento fosse anulado, já que elas descobrem que Mark viu Joe enquanto ele ainda estava detido na delegacia, e isso demonstraria um total desrespeito aos procedimentos de investigação pela polícia de Broadchurch, o que poderia levar a um julgamento injusto.

E enquanto tudo isso acontece, aparentemente, Alec Hardy, que contou para a sua ex-mulher que vai fazer a bendita cirurgia do marcapasso (e pediu para voltar com ela, o que eu só consigo justificar que seja medo de morrer sozinho) deve ter pego um táxi e se internou sozinho porque ele é Alec Hardy. Ah, mas não se preocupe, ele manda uma mensagem de texto para Ellie, enquanto ela está dentro da sala de julgamento e não pode ligar o celular), avisando.

gif076

Aí a ITV decidiu testar os nossos corações e entrou nos comerciais, sem deixar a gente saber o que ia acontecer com ele. Mas depois do mais longo comercial do mundo, Broadchurch voltou e…

alec001

Seu babaca, você conseguiu! Sobreviveu a bendita cirurgia, parabéns! E esse alívio todo (que é nosso também) só mostra que ele nunca acreditou que ia sair vivo da sala de cirurgia. Babaca.

Quem acaba vindo cuidar dele é a Tess, já que a Ellie vai arrumar a velha casa da família para voltar a morar lá com os filhos. E a filha dele, a Daisy, liga no celular da mãe para saber como o pai (que nem contou para ela que estava indo para a cirurgia) estava se sentindo. O resultado da conversa entre o Alec e a Daisy é Hardy sorrindo pela segunda vez num mesmo episódio. alec003

alec002

Só para constar, David Tennant, eu te odeio por me deixar desse jeito simplesmente por sorrir.

Voltando ao julgamento (que é aparentemente uma das histórias centrais da série, e não quantas vezes Alec Hardy sorri, infelizmente), Jocelyn acaba conseguindo convencer a juíza a não anular o julgamento de Joe, o que é ótimo.

Ah, a gente descobre que a Claire tem uma foto em seu portfolio usando o pingente que a Pippa estava usando na noite que morreu. E para complicar ainda mais a situação… foi ela quem roubou o pingente do carro da Tess. Uh, tenso.

Mas antes de acabar, mais uma bomba: a mãe de Jocelyn, que estava numa casa de repouso, veio a falecer. O que isso pode influenciar no caso? Só o próximo episódio para esclarecer. mari

Deixe um comentário

Arquivado em Acabei de Assistir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s